[1]
V. da S. Costa, “ENTRE O DEVER ESPECIAL E A LIBERDADE INDIVIDUAL: OS LIMITES OBJETIVOS DA RESPONSABILIDADE PENAL POR OMISSÃO NA RELAÇÃO MÉDICO PACIENTE ”, 2526-5180, vol. 5, nº 8, p. 291–312, abr. 2020.